Um palacete que tem história

A Orquestra Sinfônica Petrobras apresentou à secretaria de Cultura de Crivella um projeto de restauro do histórico prédio do Automóvel Clube, ali na Rua do Passeio, no Centro do Rio.

Pela proposta, o lugar passaria a funcionar como sede da orquestra.

Não é o primeiro projeto que tenta devolver vida ao lugar. Mas nenhum deles saiu do papel, e o prédio, que tem muita história para contar, continua se deteriorando.

Como se sabe, no século XIX, o imóvel abrigou o Cassino Fluminense, frequentado pela nobreza e a família real. Foi também no Automóvel Clube o último discurso de Jango na véspera do golpe militar de 1964, durante a chamada Revolta dos Marinheiros.

Recommend