O Mundo, a Tristeza e o Clamor por muita Reflexão

O que nós todos, habitantes do Planeta, fizemos para causar a desarmonia da Natureza e fornecer terreno fértil para o Coronavírus do Mal se acomodar e se espalhar para todos os lados.

A Calamidade é Mundial.

Não interessa a Classe Social, o Poder e o Dinheiro. Todos estamos expostos ao mesmo Risco.

Os Idosos, principalmente quando apresentam patologia preexistente como cardiovascular e respiratória, são os mais vulneráveis. Assim como os profissionais da área de saúde, diretamente envolvidos com os pacientes.

Momento sem Alegria. Muitos confinados sem contato com os familiares.

Precisamos mudar, com urgência.

As Praias, os Rios, todos repletos de lixo. Como entender que usufruímos da beleza do Mar e ao sair deixarmos o lixo para o Mar
com sua inocência recolher.

Quem vai purificar o ar que respiramos se as florestas estão acabando.

As nossas ações irresponsáveis estão permitindo que esta catástrofe assole o país.

Por Dinheiro somos capazes de colocar agrotóxicos na terra onde brotarão os nossos alimentos.

E agora para onde foi o Dinheiro que salvaria o Mundo? Todos perdendo sem perspectiva de retorno a curto prazo.

O Dinheiro é necessário, mas não pode ser o objetivo final das nossas Ações.

O poder do Dinheiro é cuidar do Outro e do nosso Planeta.

Com certeza não teríamos chegado neste Desastre Mundial.

Para melhorarmos como Seres Humanos e não destruirmos a Natureza, precisamos focar na Formação Acadêmica e de Valores,
independente da Classe Social. Sem valores não paramos para refletir e melhorar como Seres Humanos. Vamos olhando para a
frente sem olhar para trás e para os lados.

É bom lembrar que sozinho não se chega a lugar nenhum. Temos que nos desvincular do Ego. Assim nos tornaremos mais leves
e não prejudicaremos o nosso entorno.

Precisamos, não só agora, mas para sempre de líderes responsáveis. Vamos focar nos nossos líderes Governamentais e Políticos.

Os líderes não precisam ser amados, e sim respeitados. Para atingir este patamar, têm que merecer. Todos precisam se comunicar falando a mesma “língua” e esmagar o Ego. Estamos todos a mercê das lideranças.

Este é um ponto para muita Reflexão.

Não podemos continuar com a cultura do “Apagar Incêndio”.

Precisamos ser corretos todos os dias. Se agirmos assim, o incêndio virá com menos chamas e os estragos não terão esta
magnitude.

Um exemplo claro são as nossas Favelas, crescendo a cada dia. O que as Autoridades fizeram para evitar que Seres Humanos
vivam amontoados? Nada.

O mesmo com os moradores de Rua. Um número que cresce a cada dia. Um Ser Humano não merece viver nas calçadas junto com o lixo. São mais suscetíveis a contaminação.

Como vai se deter a disseminação maciça do Coronavírus?

Agora tem que apagar o Incêndio. Vão ter que agir rápido para evitar contaminação pelo vírus e mortes.

Como o Governo com a Rede Pública Hospitalar, já muito precária, vai socorrer os menos favorecidos, para que não morram por falta de Assistência Médica.

É hora de acordar e todos juntos construirmos um Mundo Melhor.

Felizmente, para a tristeza não nos levar ao fundo do Poço, temos Profissionais de muita Credibilidade que já trabalham com o Olhar para os menos favorecidos que estão se unindo em uma Campanha Esplendorosa para garantir Assistência Médica a esta população.

Estão usando o seu Poder de Credibilidade para arrecadar Recursos Financeiros, mesmo considerando este momento com a economia bastante instável, para construir leitos de CTI em Hospitais da Rede Pública.

Estão envolvendo empresários para garantir leitos nos Hospitais Públicos, como o Hospital do Fundão que já passa a contar com

60 leitos de CTI, e construir e equipar com alta tecnologia novos Hospitais, como o Hospital de Campanha Auto Estrada Lagoa-Barra com 200 leitos, 100 de CTI e 100 de Enfermaria e o Hospital São Francisco da Ordem Terceira da Penitência com 108 leitos, sendo 28 de CTI.

Para garantia do sucesso de um Empreendimento desta Magnitude é fundamental contar com equipe de profissionais com experiência em construir, equipar e coordenar a gestão de hospitais de grande porte, como a Rede D’OR, que iniciou o processo e conseguiu envolver outras Redes Hospitalares como a UHG Brasil e a Rede Ímpar.

Equipe Responsável e Competente de alta Credibilidade que conseguiu envolver a classe Empresarial.

Um legado sem precedentes de leitos hospitalares para o SUS.

O brilhantismo desta Campanha confirma que sozinhos não chegamos a lugar nenhum.

Muito importante a participação do Grupo DASA que realiza exames Laboratoriais e de Imagem. Uma Instituição muito respeitada pela classe médica. Estes procedimentos têm alta relevância para o diagnóstico e conduta terapêutica.

A diretoria do Instituto da Criança, uma Organização gestora de Projetos Sociais assumiu a responsabilidade pela gestão e aplicação das doações financeiras na ativação de leitos de UTI e aquisição de Equipamentos de Proteção Individual com o apoio técnico do Instituto Desiderata.

Contando ainda com os Institutos Phi e Ekloos, além do Banco da Providência para a gestão das ações para compra e distribuição
de toneladas de cestas básicas e produtos de limpeza corporal.

Vários outros grupos estão se unindo para atender aos diferente Gritos de Socorro.

A nossa mensagem para todos os envolvidos nesta Campanha do Bem é que vocês são dignos de Respeito e conseguiram encher nossos Corações de Esperança.

Precisamos aumentar, não só agora, mas para sempre os Elos desta Corrente do Bem para abraçar e cuidar do nosso Brasil.

Vamos todos juntos orar, pedindo a Deus que tenha piedade de nós e ilumine o nosso Caminho para que todos melhoremos como Seres Humanos.

Rio de Janeiro, 07 de abril de 2020.

Dra. Rosa Celia
Fundadora e Presidente do Pro Criança Cardíaca
Idealizadora e Fundadora do Hospital Pediátrico Pro Criança Jutta Batista

Recommend